Pryscilink
Arquivos

 

 

 

7.2.06

 

Cutucando Salman Rushdie.



Falando nele, aí está Salman Rushdie (escritor que tem a cabeça a prêmio por ter causado a ira do Islã com o livro "Versos Satânicos" que, para resumir mal e porcamente, descreve com irreverência o profeta Maomé). Como disse o Edu na ocasião: "Nunca cheguei tão perto de tantos milhões de dólares...". Que pobreza!!!

Bem, esta foto foi registrada na festa de encerramento da Feira da Literatura de Parati - 2005 ao som dum forró ralo-bucho, num momento em que eu, delicadamente, cutucaria Salman Rushdie para pedir que recitasse uns versinhos para mim. Mas no frame seguinte fiquei com receio de atrapalhar aquele bafinho quente no pescoço entre Salman e a mocinha que balbucia em seu ouvido, então desisti de abordá-lo. Afinal quem sou eu para empatar as relações de Salman Rushdie , não é mesmo?! Mas também, ele estava recusando-se terminantemente a tirar fotos com brasileiros no evento. Não imagino como, mas o Edu foi o único que conseguiu uma foto ao lado de Salman, como vocês podem conferir na imagem menor. Eu presenciei o momento e testemunho que tudo foi feito honestamente. Afirmo que Edu não tinha um quibe escondido no bolso para, em troca da foto, chantagear Salman, que estava enjoado de comer tanta feijoada e beber caipirinha em solo brasileiro. Ele pediu em aramaico e Salman atendeu prontamente graças ao poder de persuasão dos belos olhos azuis associado ao sorriso cativante de Edu, creio eu.
Reparem no Crocodilo Dundee da terceira idade logo atrás, talvez um segurança australiano de Salman. Reparem também na garota de branco à direita que faz um gesto... Hum... No mínimo estranho, com a mão em que amarrou umas fitinhas do Senhor do Bonfim (ou Bom Fim?).
*Uma observação inútil: dizem que o nariz do barbudo da primeira das doze charges (veja no post anterior) é o de Bin Laden. Mas reparem como o nariz de Salman é muito mais parecido... A sobrancelha então, nem se discute... Coincidência? Mistéééééério.

Verso satânico da Pryscila: "Batatinha quando nasce, esparrama pelo chão... Foda-se. Eu é que não vou catar."


Comments:
HUAHUAHUAHUA
Essa foi boa Pry... mandou bem...
agora posso publicar aquelas suas fotos de biquini lá nas praias de Paraty? Ou aquelas tomando "Gabrielas" nas madrugadas? ops... er... melhor não... se estas fotos falassem...
 
hahahahahaha!!!! biquini?! socorro!!! quanto você quer para não publicar isso?
quanto as gabrielas... hum... póds publicar.
beijoca!!!!
 
Neste dia eu acho que tava meio "alto"... HIC... tenho a impressão... Eu devo ter oferecido uma "Gabriela" pro Salman Rushdie... (ou foi pro segurança australiano dele... huum) daí ele tirou a foto comigo, e fez até pose... hehehe
 
Quem é este Salman Rushdie? é sério a minha pergunta. Sou meu fora de conexao com algumas coisas, nao liguem e, tb nao sou de exaltar muito o ser humano. Mas pelos comentários, este deve ser "O CARA" "O GRANDE" "THE BEST OF THE GOOD". Ainda bem que cheguei até hoje vivo para saber de vocês quem é Salman Rushdie? Vou arriscar: lembra-me vagamente o senhor Barriga do seriado Chaves, é ele. Mas que é sério que nao sei que é Salman Rushdie...é sério. Sera que ele é Kasparov (grande campeão de xadrez) esse sim que quero conhecer ou Karpov (outro campeão de xadrez) tb quero conhecer, alias, eu jogo bem xadrez. Putz Griliz, santa maionese, quem é Salman Rushdie? Quero saber e tb quero conhece-lo este semi-deus de alguma coisa.
 
EMÍLIO QUERIDO, SEGUE UM TEXTO QUE EXPLICA QUEM É SALMAN, OK?! BEIJO!!!!

Salman Rushdie nasceu dia 19 de junho de 1947, em Bombaim. Ficou famoso com a publicação do livro Versículos Satânicos em 1989 que causou controvérsia no mundo fundamentalista islâmico, devido à sua descrição irreverente do profeta Maomé. Em 14 de Fevereiro de 1989, a Fatwa, ordenando a sua execução foi proferida pelo Ayatollah Khomeini, líder do Irã, chamando o seu livro de "blasfémia contra o Islã". Para além disso, Khomeini condenou Rushdie pelo crime de "apostasia" ? fomentar o abandono da fé islâmica ? o que de acordo com a Hadith é punível com a morte. Isto porque Rushdie comunicava através do romance que ele já não acreditava no Islã. Khomeini ordenou a todos os "muçulmanos zelosos" a assassinar o escritor, os editores do livro que soubessem dos conceitos do livro e quem tomasse conhecimento de seu conteúdo, conforme a fatwa: "Eu informo o orgulhoso povo muçulmano do mundo inteiro que o autor do livro Os Versículos Satânicos, que é contrário ao Islã, ao Profeta e ao Corão, assim como todos os implicados em sua publicação e que conhecem seu conteúdo são condenados à morte. (...) Apelo a todo muçulmano zeloso a executá-los rapidamente, onde quer que eles estejam. (...) Todo aquele que for morto nessa empreitada será considerado mártir?. A 24 de Fevereiro de 1989 Khomeini decidiu oferecer uma recompensa de três milhões de dólares pela morte de Rushdie. Rushdie passou a viver a partir daí sob protecção policial britânica. Durante este período, houve violentos protestos na Índia, Paquistão e Egipto, causando várias mortes. Comunidades muçulmanas por todo o mundo organizaram demonstrações nas quais cópias do livro foram queimadas.
Em 1990, Rushdie publicou um ensaio chamado "In Good Faith" (de boa fé) para apaziguar os seus críticos e emitiu pedidos de desculpa reafirmando o seu respeito pelo Islã. No entanto, os religiosos iranianos não retiraram a fatwa.
O romance "Versículos Satânicos" foi banido na Índia e na África do Sul e foi queimado nas ruas de alguns bairros em Inglaterra. Na Universidade de California, Berkeley, livrarias exibindo os seus livros foram vítimas de atentados com cocktails molotov. Em 1991 o tradutor do livro para o japonês, Hitoshi Igarashi, foi assassinado e em 1993 o editor de Rushdie na Noruega, William Nygaard, ficou ferido num ataque que lhe fizeram à saída de casa. Em 1997 a recompensa foi redobrada, e no ano seguinte o maior procurador estatal reafirmou o seu apoio.
Após a morte de Khomeini, o governo iraniano comprometeu-se publicamente a não mais apoiar a sentença de morte contra Rushdie. Isto foi acordado no contexto de uma negociação maior entre o Irã e o Reino Unido por forma a normalizar as relações. Rushdie afirmou de seguida que deixaria de viver às escondidas. Alguns acreditam que a fatwa morreu com o Ayatollah, mas alguns meios de comunicação islâmicos fundamentalistas alegadamente afirmaram:
"A responsabilidade pela execução da fatwa não é da exclusiva responsabilidade do Irão. É um dever religioso de todos os muçulmanos ? aqueles que têm a capacidade e os meios ? para a levar a cabo. Não requer qualquer recompensa. Na verdade, aqueles que executam este acto na esperança de recompensa monetária agem contra os princípios islâmicos". Em 1999 uma fundação iraniana ofereceu uma recompensa de 2,8 milhões de dólares pela cabeça de Rushdie.
 
quem pode, phode...
 
Obrigado Pryscila! Eu realmente nao sabia e, perguntei e, vc pronta e carinhosamente me deu esclarecimentos. Perdoe a minha ignorância. Espero q a minha ignorância nao tenha te deixado irada comigo.
Lendo o texto, desejo a ele sucesso, mas pelo que ele escreveu, eu nao estaria na mesma festa que ele nao...rs...É bom ele viver o dia a dia como se fosse o último, pois, um dia de fato ele acertará.
Valeu mesmo, de coracao!!!
 
Sobre o Rushdie: ele ficou escondido um tempo na casa do...Bono! Cara legal, esse irlandês, não?

O Rushdie também compos uma letra pro U2, chamada The ground beneath her feets, musicada pela banda.
 
Que legal! Estou a três graus do Bob Dylan e a um do Salman!
Tenho amigos poderosos...
 
Oi Pryscila!
Seria Salman, com esse nariz, sobrancelhas e barba, o próprio MOHAMED?! Mistério! Se for, "Os Versos Satânicos" é pura auto-ironia.
A fotinho rara q vcs conseguiram deve valer milhões, pensou nisso?! E com toda essa riqueza de detalhes q vc descreve, uau!

Beijo
Antonio
 
Ah...só agora vi a frase de Roosevelt....valeu pelo carinho, pela atencao, de coracao!
valeu mesmo.
 
Ah esqueci::: Essa sua frase da batatinha quando nasce............é um horror!..rsrs
cuide-se.
 
O crocodilo é um escritor, que colou na gente lembra? Aluisio Dias( figura susspeita) meio boiola ...
rssss
 
Hahahahahaha!!!! O Crocodilo colou na gente? Crocodilo boiola nunca colou em mim, hein?!!! É o Aluisio Dias, então! My dog!
Um mistéééééééério foi desvendado!!!
Bjs!!!
*emilio, para provocar minha ira só se você colocar disco de funk riscado no último volume quando eu estiver em plena TPM. Fora isso, sou mansinha, mansinha!!!
 
Salman Rushdie? Ixi! Tá parecendo mais o meu antigo professor de Biologia...
 
O pior de ser talentosíssima é ser linda também...Dá pra me mostrar algum defeito para eu curar esta dôr de cotovelo??? Onde está o telefone da minha terapeuta?rsrsrs...beijos de mim
 
è só comigo ou o "Seu Salman" é a cara do Jaguar? e lembra muito o Stanley Kubrick... Gente! Jaguar Kubrick... Com suas charges longas e inintendíveis de final imprevisível onde agente fecha o jornal e fica pensando: "Fui iludido, parem o mundo!"
Bem, se sem caipirinha esse maluco já escreve versos sobre papagaios muçulmanos e profetas Baihanos, imagine com o tanque cheio? :D
Jar_el não é arabe, tão pouco muçulmano mas adoraria ter um harem!
 
AUuAhAuhAUHha

fantastico!



Danilo
www.politicamenteincorreto.com
 
Postar um comentário

Links desta introdução:

Criar um link



<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?