Pryscilink
Arquivos

 

 

 

7.4.07

 

MANARIANAS


Milo Manara é um dos meus ídolos do traço. Quem não gostaria de ser uma das “mulheres de Manara" no bom sentido? O mestre da arte erótica nasceu em 1945 na cidadezinha italiana de Luson. Por ironia do destino começou a fazer HQs de cunho sexual no ano de 69 quando publicou a saga "Jolanda de Almaviva" sobre uma insinuante pirata cobiçosa por prazeres carnais. Mas foi em 82 que ele mudou o conceito de pornografia no planeta com a publicação de "O Clic" (transformado em filme) que para resumir mal e porcamente, apresenta uma recatada socialite transformando-se numa ninfomaníaca quando tem um chip regulável instalado no cérebro.

Pode-se dizer que por grande influência de Milo Manara é que não apenas os quadrinhos de temática sexual mas todo o universo das HQs foi revitalizado e coroado sob o conceito de arte.

Superficialmente pode-se considerar que sua obra é pornográfica. Mas analisando com maior cautela percebe-se que há um equilíbrio sedutor da cafajestagem e do cavalheirismo. Manara faz um shake de sexo e erotismo com extremo bom gosto, elevando a pornografia ao pedestal da obra de arte. Tanto é que o público dos quadrinhos eróticos passou a ser formado não apenas por homens, mas também por mulheres (mais exigentes quanto à pornografia) pois o autor não atribui vulgaridade ao papel feminino em suas histórias, logo, não agride ao ponto de interromper a leitura. Para a mulher, desperta questionamentos: o que é moral ou imoral? Até onde vai o direito feminino de ter prazer e de como alcançá-lo? Porque deve se manter pregada à cruz da moral religiosa e conter seus desejos?

Embora as ávidas “Manarianas” estejam sempre disponíveis para o sexo, não estão apenas submetidas à vontade masculina, mas à mercê da própria libido. Despertam para o prazer em situações cotidianas ou fantásticas. São elas as senhoras de suas vontades. Sem medo ou pudor conduzem os espetáculos libidinosos e fascinantes que Manara desenha. O resultado: uma revolução que incita a liberdade feminina à exploração de sua sexualidade. Marquês de Sade dizia que os homens não foram criados para os grandes prazeres do sexo, pois a maioria torna-se "inútil" para o ato no momento em que ejacula. Já as mulheres deveriam se entregar aos prazeres carnais o tempo todo, visto que elas não têm este "prazo de validade" implícito. Para Manara e para Sade, a mulher é o ser sexual que tem o "poder dos phoderes".

Lançamento no Brasil:
No dia 10, às 23h, a Fox estréia um desenho animado produzido na Argentina chamado City Hunters, parceria do canal com o marca de desodorantes Axe, da Unilever. Anunciam que as mulheres da série são inspiradas no trabalho de Milo Manara. Sinceramente, assisti a alguns trechos na internet e não achei que possa se dizer que é inspirado no trabalho de Manara. Passa loooooooonge da beleza do traço do mestre. É mais inspirado na obra em geral, talvez no que remete ao erotismo, do que no visual em específico.
Reza a sinopse: City Hunters narra a história de Axel, um jovem que foi abandonado por sua noiva, e do Dr. Lynch, um conquistador, mestre em criação de fragrâncias masculinas. Lynch é membro e atual guardião da Maçonaria X, uma sociedade ultra-secreta que se dedica a investigar as mulheres e tudo que for relacionado com o mundo da sedução. Lynch conhece Axel e percebe que talvez seja ele o indicado para se transmitir os segredos da Maçonaria X para a próxima geração. Para isso, Axel deverá mostrar-se um homem capaz de conquistar todas as mulheres que existem no planeta.


Bem, pelo jeito o desenrolar da historinha já está definido: Axel descobrirá que sovacão fedido espanta o mulherio para a "Cidade das Mulheres que Jeremias Perdeu" (lembram da campanha 2005 da AXE?). Então usará "AXE odor feromônio humano" e conquistará todas as mulheres com congestionamento nasal do planeta.
Aguardemos a série.

www.milomanara.com

pryvieira@yahoo.com.br


Comments:
Indiferente ao gênero, Manara é arte e beleza... E essa história de implante para controlar os desejos é bem mais plausível do que parece.
 
sei...sei...sei!..rs
 
Postar um comentário

Links desta introdução:

Criar um link



<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?