Pryscilink
Arquivos

 

 

 

18.8.09

 
pryvieira@yahoo.com.br Pryscila Vieira

Comments:
Tô nessa também! Infelizmente no Brasil eu costumo dizer q nem um vídeo do crime sendo cometido pela pessoa seria suficiente pra acusá-la: iriam negar ainda assim; provas não faltam mas ninguém quer enxergar e quem é criminoso não tem vergonha de negar e perder a pose jamais. SaiNey!!
 
sai e leva a turma toda de parentelas e apaniguados!
 
A gente devia arrancar ele de lá na porrada, rs...
 
Eu lembro que na época do Plano Cruzado um monte de gente saiu às ruas e foi aos supermercados com um broche grudado na roupa onde se lia: “Eu sou fiscal do Sarney”. A idéia era denunciar a remarcação compulsiva de preços, que se entendia ser uma das responsáveis pela enorme inflação daqueles tempos.

O engraçado é que esse hábito ainda permanece. Mas só no Senado. E o tal broche passou por algumas modificações. Ele agora diz “Eu sou chegado do Sarney”.

Difícil é dizer qual desses movimentos contou ou conta com mais integrantes.

Abração. Xisto.
 
Garçon, tem um fio de bigode na pizza... Que droga.
 
Poizé, meus caros e nobres colegas... Fomos enganados mais uma vez. Engordamos mais uns quilinhos com tanta pizza. Broche dizendo "sou chegado do sarney" não usaria por nada no mundo. eu brochei. sinceramente.
 
Postar um comentário

Links desta introdução:

Criar um link



<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?